Cadeira de balanço

A vida vai e vem, vai e vem, como se estivessemos numa cadeira de balanço…vai e vem, vai e vem, enquanto analisamos nossas emoções, sentimentos e ações em nosso cotidiano… vai e vem, vai e vem, até que numa dessas idas e vindas nós encontramos as respostas para o que estamos procurando.

Basta mudar a perspectiva, conversar o mesmo velho assunto batido com outra pessoa e  pronto, recebemos uma visão nova sobre aquele problema que não nos deixa dormir há meses.

Foi assim hoje. Não tem muito mais o que comentar, acho que todos vocês já passaram por algo parecido algum dia em suas vidas. Na minha acontece sempre!

===

Esta semana está acontecendo uma mostra de talentos lá no trabalho em comemoração ao aniversário da organização. Hoje eu declamei algumas de minhas poesias e amanhã vou cantar com alguns colegas. Depois eu conto direitinho, estou meio sem inspiração no momento.

Abraços,

Marta

Anúncios

Um comentário em “Cadeira de balanço

  1. Olá, Marta!
    Oi poetisa!Como vai?
    Andei lendo teus escritos, enriqueço-me.
    Ainda bem que esse cantinho aqui existe!Perguntaram-me porque eu nunca mais escrevi poesias, então respondi que ando vivendo-as, sentindo-as na pele.Visitar as tuas letras me convence mais ainda do que digo.
    Um grande abraço!
    XÊros!

    p.s: Meu bebê chega em poucos dias!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s