Colheita

Estou em época de colheita
Arei a minha terra preparando meus caminhos
Procurando descobrir aonde ir
Que ferramentas usar, como andar ao meu lado
Em busca de mim mesma no mundo.

Plantei minha vida,
Joguei minhas sementes
Agüei minha terra, limpei as leiras,
Cuidei-me do Sol para que pudesse brotar
Para conhecer o que nasceria de mim.

Chegou o tempo da colheita
E estou a colher o que nasceu de mim
Flores e espinhos, alimentos e ervas daninhas.
É o momento de separar o joio do trigo
Na safra de meu coração inquieto.

Essa foi a primeira chance,
A terra ainda estava virgem
Eu não sabia por onde ir, nem o que fazer.
Agora é hora de me preparar para a segunda vez,
Começar de novo o trabalho suado do campo.

Nova preparação,
Novo plantio,
Outras sementes,
Mais cuidado e experiência,
Para colher a próxima colheita!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s