Talento e transpiração

Segundo Túlio, meu querido professor de desenho, talento não existe. O que existe é o desejo e a perseverança para fazer bem feito, de melhorar sempre, porque uma aptidão inata sem ser trabalhada não adianta de nada, portanto, por essa máxima eu acho que ainda tenho salvação. O que não me falta é desejo e dedicação para acertar e fazer bem feito as coisas que passam pela minha cabeça. Está certo que eu acabei desistindo momentaneamente daquele nariz, mas também tudo tem um limite, não é mesmo?

O curso já está terminando e mesmo não tendo conseguido fazer todos os exercícios com a técnica e prática necessária por causa de minha falta de tempo, o resultado foi surpreendente. Minha percepção de espaço já era boa, mas somada ao conhecimento da perspectiva ampliou minha visão do mundo. Sem exageros, logo após a primeira aula passei a observar os cenários procurando os pontos de fuga e convergência imaginando como poderia desenhá-los. Mesmo que a cena não vá para o papel, o modo de pensar e ver as coisas mudou minha maneira de entender o mundo que me cerca e acabei transferindo essa percepção para outros cantos de minha vida pessoal e profissional, principalmente .

As últimas aulas estão sendo dedicadas ao corpo humano. Entendendo e observando como é a estrutura do esqueleto, musculatura e textura da pele, depois o movimento e as proporções, pudemos ver como é fácil desenhar. Sem complicação, apenas observação e dedicação. O talento se constrói com a prática e a transpiração do desejo de acertar.

Confesso, no entanto, que tenho muito ainda que me dedicar e transpirar para chegar a um ponto que eu considere um mínimo aceitável para um desenhista, mas minha intenção ao iniciar esse curso não era essa. Meu desejo era conseguir colocar no papel e posteriormente numa tela as cores dos meus pensamentos, e isso eu sei que já posso fazer.

Após o carnaval começa um novo curso, agora de pintura, onde eu poderei colocar o que consegui captar nesses 4 meses de descobertas internas e externas. Tenho a certeza que é o inicio da pintura de minhas poesias, que se tornarão depois as gravuras de meu livro…
Marta

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s