Dona Canô chamou… eu vou…

Hoje trabalhei junto a meus amigos queridos que deixei onde trabalhava antes. Muitas coisas novas por lá, muito trabalho também.

Amigos do coração a gente nunca esquece!

Além do mais, minha querida amiga, se você me chama…eu vou… Aguarde a poesia…

Esta poesia escrevi há muito tempo atrás, fala sobre a amizade e o que significam meus amigos para mim. São poucos, ainda são os mesmos, e dá para contá-los nos dedos de uma mão, mas são meus! E aí daquele que disser o contrário …rsrs

Amizade

Como água em terra seca
Assim é sua amizade
Que a gente sorve até a última gota
E depois fica esperando
O brotar de uma nova vida

Como a chuva depois da estiagem
Naquela terra partida
Que faz o sertanejo chorar
Com o peito aliviado da angústia do sertão
As crianças correrem a girar
E as mulheres se porem a rezar
Em agradecimento aos céus.

Como o Sol depois da enchente
Que traz a esperança de volta
Alegria do recomeço
A possibilidade da vida
A primavera, o amor, a doação.

Assim é sua amizade para mim,
Aquela que faz falta
Bem lá no fundo do coração
Aquela que é só alegria,
Canto e sabedoria,
Que não conhece solidão!
Marta

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s