Para Leandro, Kenya e Ruan

Quando eu era criança queria ser cientista, especificamente paleontóloga (não me perguntem de onde eu tirei isso por que não faço a menor idéia). Depois quis ser atleta velocista, bailarina e cantora. Na adolescência, ao contrário, sabia exatamente o que não queria ser: nem médica, nem secretária, nem advogada, e ao mesmo tempo poderia ser professora, arquiteta, farmacêutica ou química. Pelo que vocês me conhecem sabem que não peguei nenhum desses caminhos na vida, mas acho que trago alguns traços de todas essas coisas em mim. Algumas delas comecei e deixei pelo caminho, outras ainda estão em meus planos. Mas essa conversa é para falar de duas pessoas que entraram em minha vida e fizeram muita diferença: Kenya e Leandro.

Conheci Leandro quando ele foi trazido pelo maestro para nosso coral. Chegou com um violão embaixo do braço e me ensinou que a vida vale pelos sonhos que a gente realiza. Começou a tocar violão aos 12 anos, decidiu-se por isso e deixou que a música lhe conduzisse os caminhos. Fez composição e regência na UFBA. Mesmo jovem era muito maduro para a idade e já estava ficando calvo como se o corpo quisesse alcançar a idade do pensamento. Conheci Kenya através de Leandro, moça linda e de atitudes fortes, que abandonou a faculdade no Pará – direito se não me engano, para se dedicar a dança. Se formou também na UFBA. E eu, de certo modo, me realizava na música e na dança, através deles.

Convivi com eles tempo suficiente para conhecer o amor dos dois e torcer para que tudo desse certo em suas vidas. Tiveram dificuldades financeiras, também com essas escolhas quem é que não teria? Normal! Passaram por um incêndio onde perderam tudo o que tinham conseguido adquirir: os móveis, as roupas, o colchão, o computador, o violão espanhol, até o gato branco chamado “Fofo” morreu asfixiado no apartamento. E eles estavam na rua – juntos e perplexos com a roupa do corpo. Nós amigos fizemos o que pudemos para ajudar e minha admiração por aqueles dois cresceu exponencialmente enquanto eu pensava – Meu Deus e se fosse comigo?

Lembro-me de uma vez num aniversário de Leandro, pós-incêndio, em que estávamos numa roda sentados no chão, com seus amigos tocando e cantando, quando alguém puxou uma música que eu conhecia e sem perceber comecei a cantar. Acho que foi a primeira vez que fiz isso, que deixei a música sair sem ensaio, no meio de pessoas desconhecidas. Depois Kenya, em particular, me disse que parecia que minha alma vivia presa dentro de mim, e que só encontrava espaço para respirar quando eu cantava. (Disse isso pelo pouco que ela me conhecia na época. Não é para eu me apaixonar por essa menina?)

Hoje eles estão em Brasília e sempre que me lembro deles penso naquela música de Eduardo e Mônica…rsrs… Eles têm outro gato branco, e adivinha só: um filhinho…lindoooo! Seu nome é Ruan, cheio de cachos, gorducho e fofucho como ele só. Eu me sentia meio mãe de Leandro, então me sinto no direito de ser meio avó de Ruan também.

Ruan faz dois anos hoje ou fez dia 10/10 não tenho certeza, por isso “Feliz Aniversário meu gatinho”. E para vocês dois também. Eu ainda os amo muito.

Saudades

Marta

Anúncios

Um comentário em “Para Leandro, Kenya e Ruan

  1. Leandro respondeu por email:
    “Chegou com um violão embaixo do braço e me ensinou que a vida vale pelos sonhos que a gente realiza”.
    “já estava ficando calvo como se o corpo quisesse alcançar a idade do pensamento”.

    Você nunca me disse estas coisas… Ficamos emocionados… As vêzes esquecemos quem somos… Mas vc me lembrou! Ruan fez dois belos anos de muita saúde. É uma criança contagiante. No natal estaremos por aí… Vai estar na cidade? Vamos nos ver…Um abraço…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s