Pensando sobre a vida

Pensando sobre a vida lembrei dessa poesia, num pensamento de que não podemos nos fechar ao novo, ao diferente, àquilo que a vida nos traz, mesmo que não consigamos alcançar no momento a amplitude desse presente.

Esse final de semana vou ter muito o que pensar…

Pela vizinhança de minha rua

Andando outro dia, reparei numa casa

que nunca havia visto antes em minha rua.

Parei em frente, como se algo me impedisse de seguir

e fiquei observando seu traçado,

seus jardins bem cuidados, a rede na varanda,

imaginando como podia ter passado por tanto tempo

sem percebê-la em sua beleza singela.

Quando estava partindo

a porta abriu-se devagar

revelando uma figura no umbral

que prendeu-me em seu olhar.

Por instantes quis perceber o rosto desse novo vizinho,

sem no entanto, conseguir divisar sua imagem,

magnetizada que estava por uma aura dourada

que iluminava ainda mais aquele dia ensolarado.

Simplesmente me disse:

– Entre! Aqui não se paga nada para ser feliz,

a não ser a coragem de arriscar!

Foi assim que descobri

como os anjos abrem as portas do paraíso

para aqueles que são contumazes

em se esconder nas sombras do mundo

recusando-se a ver a felicidade que nos atropela

em todos os dias de nossas vidas,

nas coisas pequenas, belas e ingênuas

com que somos presenteados a cada instante

Marta

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s